29
Jul 10

 

Está ao alcance do educador incentivar a leitura

As soluções para melhorar os resultados dos brasileiros no Inaf, especialmente dos mais jovens, dependem, sim, de mudanças amplas. Entre elas, tem destaque a atuação do professor, que pode contribuir para alterar essa realidade. A primeira postura positiva está em fazer da leitura uma tarefa diária, importante para o aprendizado em qualquer disciplina.

O educador pode organizar situações simples de estímulo, como a leitura em voz alta e em grupo e a leitura com o objetivo de localizar dados para compará-los. Pode, ainda, chamar a atenção para a importância dos resumos como prática de estudo, ensinando as crianças e os jovens a sublinhar e listar as principais informações de cada texto. "Para isso, o educador tem de querer mais do que ensinar os alunos a ler e a escrever. Deve desejar formar o sujeito leitor e escritor", resume Silvia Colello.

fonte:Revista Escola Abril

publicado por profdbio às 20:58
29
Jul 10

 

Eles frequentam ou frequentaram a escola. Mesmo os que sabem ler e escrever têm dificuldade para compreender textos curtos e localizar informações, inclusive as que estão explícitas. Quanto à Matemática, lidam com os números que são familiares, como os de telefones e os preços, ou realizam cálculos simples. A compreensão do que observam ou produzem é limitada e emperra seu desenvolvimento pessoal e profissional.

Essa triste condição é parte da vida de 15% da população brasileira com idade entre 15 e 24 anos que é considerada analfabeta funcional, segundo o Indicador de Alfabetismo Funcional (Inaf), divulgado neste mês (veja a evolução dos dados nessa faixa de idade no gráfico acima). Desses jovens, 2% são analfabetos absolutos (não sabem ler e escrever, embora alguns consigam ler números familiares) e 13% são alfabetizados de nível rudimentar (leem textos curtos, como cartas, e lidam com números em operações simples, como o manuseio de dinheiro).

 

O problema abrange todos os níveis de ensino

O percentual de analfabetos funcionais é grande, inclusive quando se analisa o desempenho dos entrevistados que estudaram até a 8ª série: 22% (veja no gráfico acima). Quase um em cada quatro brasileiros sai do Ensino Fundamental sem saber ler e escrever bem. Importante: nessa faixa de ensino, os dados são os mesmos da última pesquisa.

 

fonte: Revista Escola Abril

publicado por profdbio às 20:46
29
Jul 10

 

A Vigilância Sanitária do Estado divulgou uma pesquisa nacional realizada pelo Programa de Análise de Resíduos de Agrotóxicos em Alimentos (Para) em Roraima que aponta alimentos contaminados por agrotóxicos em diversos itens vendidos em supermercados de Boa Vista. A maioria (64%) é oriunda de outros estados.

 

Do total de 74 amostras colhidas, 22 delas (29,73%) apresentaram resultado insatisfatório. No rastreamento da origem desses produtos, foi descoberto que 36% (8 amostras) eram provenientes de Roraima e o restante era importada de outros estados.

 

Dos produtos de origem roraimense, oito amostras em quatro alimentos foram consideradas insatisfatórias por apresentarem substâncias não autorizadas pela Anvisa. São eles: arroz, abacaxi, mamão e o pimentão.

 

Já entre os produtos importados comercializados no Estado foram detectadas substâncias não permitidas em amostras de batata, cebola, beterraba, cenoura, repolho e uva, além de substâncias acima da quantidade permitida na maçã.

 

Dentre os alimentos cujas amostras foram consideradas satisfatórias estão o feijão, alface, laranja, manga, pepino e o tomate – que antes era considerado o vilão dos agrotóxicos. Todos  foram aprovados no teste. Deve-se dar o devido destaque à banana produzida no Estado, que teve um bom desempenho na pesquisa.

EXTRAÍDO DA :FOLHAWEB

 

Como Higienizar Frutas, Legumes, Verduras? – Quantidade de Água Sanitária

Está comprovado que a água sanitária é o melhor produto para se higienizar frutas, legumes e verduras corretamente. Lavar somente com água não reduz a quantidade de micróbios, a água sanitária é a única que consegue reduzir bastante esses microorganismos e até eliminá-los.

Confira agora a forma correta de higienizar verduras, legumes e frutas:

  • Coloque na geladeira logo após a compra (por 1 a 2 horas)
  • Ao retirar, separe as ruins das boas e, nas hortaliças, corte também as raízes
  • Lave-as em água corrente, uma por uma
  • Encha uma tigela com água suficiente para cobrir as frutas, legumes ou verduras
  • Coloque uma colher de água sanitária a 2,5% cloro (própria para usar em alimentos) para cada litro de água
  • Mergulhe-as na mistura (deixe de molho por 30 minutos)
  • Quando terminar, lave-as novamente
  • Seque-as bem antes de colocar na geladeira (pode secar com papel absorvente)

Não esqueça, nunca consuma alimento com validade ultrapassada, eles podem causar vários danos à sua saúde. É como se diz, se não tivesse problema, não inventariam a data de validade.

 

publicado por profdbio às 13:54
Julho 2010
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
13
14
15
16
19
20
21
22
23
24
25
26
30
31
Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

RSS
Posts mais comentados
mais sobre mim
pesquisar neste blog
 
últ. comentários
karakas o kara quer virar um elefante
kkkkkkkkkkkkkk
cadÊ o post???
O assunto esta muito interessante, fez com que eu ...
sorte que esse e um blog de escola se não ia xinga...
A pessoa que faz isso é muito burra! Não precisa d...
nossa imagino que os "fortinhos"lá da escola dever...
Essa é mais uma daquelas pegadinhas de professor.....
hehehehe...ficou foda essa!
Cara...eu acho que cada país...deveria criar uma c...
blogs SAPO